Entre o início (SOM), o meio (MOVIMENTO) e o fim (LUZ); somos o início ou a percepção do poder espiritual habitando a matéria. Somos a fonte eterna da criação e a grande maioria de nossos representantes não necessitam mais dos processos de reencarnação para a evolução pessoal.

]Nossas atividades se estabelecem por meio do amor e da pureza, atos que libertam as mentes e os corpos dos processos contínuos de revisitação da matéria como forma de evolução.

Somos os Senhores das energias emocionais, das verdades do coração e da libertação mais profunda da alma. Não ocupamos corpos de crianças em sua essência, mas podemos utilizar desses arquétipos para melhorar a compreensão dos seres sobre as atividades do amor que desenvolvemos. Somos os Senhores das energias emocionais, sendo o nosso poder manifesto na seguinte frase:

“Esqueça o passado e reconstrua o presente sempre pensando em um futuro feliz”.